Início » 55% dos brasileiros vivem em situação de insegurança alimentar, diz professora da Unicamp

55% dos brasileiros vivem em situação de insegurança alimentar, diz professora da Unicamp

A professora da Unicamp, Ana Clara Duran, reforçou qeu os estudos do Nepa (Núcleo de Estudos e Pesquisas em Alimentação) reforçam o alerta do relatório da Rede Brasileira de Pesquisa em Soberania e Segurança Alimentar e Nutricional (Rede Penssan), que mostra que mais de 55% da população ou 116 milhões de brasileiros enfrentaram algum grau de insegurança alimentar no último trimestre de 2020, colocando o país de volta ao Mapa da Fome da ONU, do qual havia saído em 2014.

“Entendemos insegurança alimentar como a ausência da quantidade e da qualidade para uma refeição completa. Estamos falando da pessoa que tem o almoço, mas não o jantar. Daquele que tem o arroz, mas não o feijão”, disse ela.

Segundo Ana Clara, o acesso de crianças e adolescentes à alimentação de qualidade diminuiu com a suspensão das atividades presenciais nas escolas.

Ela também disse que a restrição de apoio, como o auxílio emergencial, às famílias em vulnerabilidade contribuiu para o aumento da insegurança alimentar no Brasil.

Ouça a entrevista concedida ao programa “Bastidores do Poder”, da Rádio Bandeirantes, a mim e a jornalista Zezé de Lima.

Rose Guglielminetti

Sou comentarista política da Band-Campinas. Também âncora do programa "Bastidores do Poder", da Rádio Bandeirantes de Campinas, que vai ao ar todos os dias das 10h às 11h30. Entre tantas editorias a de Política é a das que mais me atrai. E isso fez com que me enveredasse por esse caminho ao longo de minha carreira. Como repórter de Política sempre busquei oferecer notícias de bastidores do poder. E é isso que irei procurar fazer neste blog.

Your Header Sidebar area is currently empty. Hurry up and add some widgets.