Início » Câmara de Paulínia afasta vereador por suspeita de rachadinha

Câmara de Paulínia afasta vereador por suspeita de rachadinha

A Câmara de Paulínia cumpriu a medida judicial e afastou nesta segunda-feira (28/06) o vereador João Mota (DC), suspeito de rachadinha. De acordo com a denúncia do Ministério Público, o parlamentar ficava com parte dos salários de uma ex-funcionária.

“A Câmara Municipal de Paulínia recebeu ofício do Ministério Público com decisão judicial determinando o afastamento do vereador João Mota (DC). cumprirá a decisão judicial e seguirá colaborando com todos os desdobramentos da investigação”, diz a nota.

A Procuradoria da Câmara ainda está analisando para saber se haverá a convocação do suplente. Caso tenha sinal verde, o primeiro suplente é o ex-prefeito e ex-vereador Antonio Miguel Ferrari (DC), o Loira. A posse seria na sessão na próxima terça-feira, dia 6.

Contra o parlamentar foram reunidos documentos como mensagens de WhatsApp, extratos bancários, filmagens e depoimentos da retenção do salário da servidora para legitimar o pedido de suspensão do mandato. 

Rose Guglielminetti

Sou comentarista política da Band-Campinas. Também sou colunista do programa "Bastidores do Poder", que vai ao ar todos os dias das 13h20 às 14h, na Band Campinas. Entre tantas editorias a de Política é a das que mais me atrai. E isso fez com que me enveredasse por esse caminho ao longo de minha carreira. Como repórter de Política sempre busquei oferecer notícias de bastidores do poder. E é isso que irei procurar fazer neste blog.

Your Header Sidebar area is currently empty. Hurry up and add some widgets.