Início » Câmara de Paulínia retoma amanhã e sem suplentes

Câmara de Paulínia retoma amanhã e sem suplentes

A Câmara de Vereadores de Paulínia fará sessão amanhã (15/02) sem a convocação dos suplentes. Isso porque na semana passada a Justiça suspendeu por cinco dias a reunião. Porém, na última quinta-feira, o Ministério Público (MP) deu um parecer sustentando a primeira decisão da Justiça para que haja a posse dos ministros e afastamento dos titulares. 

Há 15 dias, a Justiça havia determinado ao Legislativo paulinense que convocasse em 48 horas 13 suplentes para assumir os cargos vagos para votar a CP.

O denunciante Luiz Roberto de Lima diz na ação que houve quebra de decoro parlamentar num processo de compra de votos para impedir que o prefeito fosse investigado. Foram barradas duas comissões de investigações contra o chefe do Executivo municipal. Segundo informações, a moeda de troca pelo voto favorável dos 13 parlamentares foram cargos públicos. Cada vereador conseguiu emplacar 10 assessores na prefeitura com salários entre R$ 4 mil a 12 mil, sendo quatro deles de diretor, com vencimento de cerca de 9 mil.

A Câmara de Paulínia tem 15 parlamentares. Ficaram no cargo dois da oposição: Kiko Meschiatti (PRB) e Tiguila (PPS).

Rose Guglielminetti

Rose Guglielminetti

Sou comentarista política da Band-Campinas. Também sou colunista do programa "Bastidores do Poder", que vai ao ar todos os dias das 13h20 às 14h, na Band Campinas. Entre tantas editorias a de Política é a das que mais me atrai. E isso fez com que me enveredasse por esse caminho ao longo de minha carreira. Como repórter de Política sempre busquei oferecer notícias de bastidores do poder. E é isso que irei procurar fazer neste blog.

Adicionar comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Mais Categorias