Administração municipal GOVERNO JONAS

Camprev pode cortar o salário de 182 aposentados

Rose Guglielminetti
Escrito por Rose Guglielminetti

O Camprev – Instituto dos Servidores Municipais – pode cortar o salário de 182 aposentados e pensionistas a partir deste mês. Esse grupo não fez o recadastramento e deve fazer a prova de vida, regras exigidas pela legislação. O prazo acabou na última quarta-feira.

Segundo o presidente do Camprev, Marionaldo Maciel, no primeiro semestre foi comunicado aos 10,2 mil aposentados e inativos que deveriam fazer um recadastramento on line. Agora, no segundo semestre, devem fazer a prova de vida. Essa etapa será escalonada. Em julho é a vez dos que fazem aniversário entre janeiro e fevereiro. Dessa turma, dos 1.529 pelo menos 1.326 fez o recadastramento. Os 182 servidores são os que não responderam ao chamado do Camprev.

“Mandamos cartas para todos os servidores. Somos obrigados a suspender o pagamento para os que não se recadastrarem ou fazerem a prova de vida”, disse Marionaldo. Segundo ele, uma assistente social é disponibilizada para ir até a casa do servidor que está impossibilitado de à sede do Camprev, que fica na Rua Pastor Cícero Canuto de Lima, 401 – Parque Itália.

Os servidores devem levar documentos como CPF, documento de identidade (emitido nos últimos 10 anos), comprovante de endereço, certidão de casamento, entre outros.

“A nossa expectativa é que não tenha que suspender o benefício de ninguém. Após a regularização, o pagamento volta a ser feito normalmente”, explicou o presidente do Camprev.

Sobre o autor

Rose Guglielminetti

Rose Guglielminetti

Sou comentarista política da Band-Campinas. Também sou colunista do programa "Bastidores do Poder", que vai ao ar todos os dias das 13h20 às 14h, na Band Campinas. Entre tantas editorias a de Política é a das que mais me atrai. E isso fez com que me enveredasse por esse caminho ao longo de minha carreira. Como repórter de Política sempre busquei oferecer notícias de bastidores do poder. E é isso que irei procurar fazer neste blog.

Deixe o seu comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.