Início » Comissão de Ética da Presidência arquiva caso de irmão do vereador Santini

Comissão de Ética da Presidência arquiva caso de irmão do vereador Santini

A Comissão de Ética Pública da Presidência da República arquivou o processo de José Vicente Santini, ex-secretário-executivo da Casa Civil e irmão do vereador Tenente Santini (PP), demitido em janeiro deste ano, após utilizar uma aeronave da FAB (Força Área Brasileira) para ir à Europa e à Ásia acompanhar uma viagem do presidente Jair Bolsonaro. As informações são do Estadão.

A decisão foi tomada na última terça-feira (30/07). Um outro parecer, desta vez do TCU (Tribunal de Contas da União), de 17 de março, foi favorável a Vicente Santini e recomendou o arquivamento da representação, alegando “não estar acompanhada de suficientes indícios concernentes à irregularidade ou ilegalidade”

Quando Santini utilizou o avião da FAB ele exercia a função de ministro substituto da Casa Civil. É permitido o uso da aeronave pelos integrantes do primeiro escalão do governo federal. O uso de voos comerciais era uma opção para ministros e auxiliares. Por ser uma alternativa, não houve conduta irregular do ex-secretário-executivo da Casa Civil, diz o documento em defesa do arquivamento da denúncia.

Rose Guglielminetti

Rose Guglielminetti

Sou comentarista política da Band-Campinas. Também sou colunista do programa "Bastidores do Poder", que vai ao ar todos os dias das 13h20 às 14h, na Band Campinas. Entre tantas editorias a de Política é a das que mais me atrai. E isso fez com que me enveredasse por esse caminho ao longo de minha carreira. Como repórter de Política sempre busquei oferecer notícias de bastidores do poder. E é isso que irei procurar fazer neste blog.

1 comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

  • Saca aquela cartinha que o RH costumava nos dar, na saída demitida do emprego, da época que havia emprego, que normalmente dizia que o ex funcionário fulano não apresentava restrições a outros empregos?
    Ou seja, pode ir trabalhar em outro canto, nada o desabona, mas aqui, na nova política não.
    Já que temos mais um desempregado acostumado a servir o povo brasileiro, que tal vir para o gabinete do mano, para ajudar inclusive a provar o que acusou.
    Foi degolado, mas nada há que o desabone.
    Emprego há, emprego há…

Mais Categorias