Início » Greve de motoristas deixa 25 mil pessoas sem ônibus em Paulínia

Greve de motoristas deixa 25 mil pessoas sem ônibus em Paulínia

A greve dos notoristas e cobradores do transporte público de Paulínia deixaram cerca de 25 mil pessoas sem ônibus nesta quarta-feira (28/04). A categoria cruzou os braços para impedir a demissão de cobradores.

Segundo os funcionários, a nova licitação não prevê a contratação de cobradores na nova licitação. Com isso, cerca de 100 cobradores podem perder o emprego. Eles também querem a garantia de que a atual empresa pague todas as pendências trabalhistas aos funcionários e que a nova concessionária a ser escolhida lhes dê uma estabilidade de seis meses de emprego.

Outro lado

Em nota, a Prefeitura de Paulínia informou que notificou a empresa e “que a mesma informou que também não recebeu nenhum comunicado oficial de paralisação, e solicitou a imediata retomada dos serviços.”

Ressaltou que a Administração Municipal está tomando todas as medidas cabíveis para que os veículos voltem a rodar o mais breve possível.

Rose Guglielminetti

Sou comentarista política da Band-Campinas. Também sou colunista do programa "Bastidores do Poder", que vai ao ar todos os dias das 13h20 às 14h, na Band Campinas. Entre tantas editorias a de Política é a das que mais me atrai. E isso fez com que me enveredasse por esse caminho ao longo de minha carreira. Como repórter de Política sempre busquei oferecer notícias de bastidores do poder. E é isso que irei procurar fazer neste blog.

Your Header Sidebar area is currently empty. Hurry up and add some widgets.