Início » Jonas descarta tirar Silvio Bernardin do governo

Jonas descarta tirar Silvio Bernardin do governo

O prefeito Jonas Donizette (PSB) descartou ontem promover mudanças no secretariado, em consequência das declarações de dirigentes da OS (Organização Social) Vitale Saúde, que disseram que a licitação para a gestão do Hospital Ouro Verde foi viciada.

Em depoimento na 4ª Vara Criminal, os diretores da OS, Paulo e Daniel Câmara revelaram que o edital foi dirigido para que a empresa saísse vencedora e que o acordo foi costurado com a ajuda de agentes públicos, como o ex-diretor de saúde, Anésio Corat Jr., que está preso.

Disseram ainda que o secretário de Assuntos Jurídicos, Silvio Bernardin teria imposto à Vitale, a contratação de empresas terceirizadas. Apesar dos depoimentos, Jonas diz que vai manter Bernardin. “A prefeitura já fez a faxina que tinha de fazer. Os funcionários envolvidos foram exonerados e a Vitale foi tirada da administração”, disse ele.

O prefeito disse ter confiança do secretário e lembrou que ninguém pode ser condenado, apenas por ter sido citado numa denúncia.”Ele terá todo o direito de defesa”, garantiu. O prefeito também aponta contradições nos depoimentos. “É muito estranho a pessoa falar em exigência, depois de assinado o contrato. Em outro ponto diz que uma outra exigência não foi atendida.”

Rose Guglielminetti

Sou comentarista política da Band-Campinas. Também âncora do programa "Bastidores do Poder", da Rádio Bandeirantes de Campinas, que vai ao ar todos os dias das 10h às 11h30. Entre tantas editorias a de Política é a das que mais me atrai. E isso fez com que me enveredasse por esse caminho ao longo de minha carreira. Como repórter de Política sempre busquei oferecer notícias de bastidores do poder. E é isso que irei procurar fazer neste blog.

Adicionar comentário

Your Header Sidebar area is currently empty. Hurry up and add some widgets.