Início » Novas denúncias ao MP elevam para 9 o número de vereadores suspeitos de rachadinha

Novas denúncias ao MP elevam para 9 o número de vereadores suspeitos de rachadinha

O promotor Angelo Carvalhaes recebeu seis novas denúncias de rachadinha – prática de retenção de parte do salário de asssessores por políticos nesta segunda-feira (06/12) contra vereadores de Campinas. Agora, são nove parlamentares suspeitos que estão na mira do (Ministério Público).

Entraram na lista os vereadores Edison Ribeiro (PSL), Permínio Monteiro (PSB), Jorge Schneider (PL), Marcelo Silva (PSD), Gustavo Petta (PCdoB) e o presidente da Câmara, Zé Carlos (PSB). Até então estavam sendo investigados os vereadores Otto Alejandro (PL), Filipe Marchesi (PSB) e Nelson Hossri (PSD).

Para os vereadores que foram denunciados nesta segunda-feira, o objetivo é criar denuncismo e desviar o foco.

Parte das denúncias são anônimas. Em relação a quatro vereadores – Edison Ribeiro, Permínio, Schneider e Zé Carlos – o denunciante diz que traballhou como assessor da Câmara em 2019. Ele diz que o presidente da Câmara arrecada R$ 50 mil por mês com rachadinhas.

Já Schneider fica com parte dos salários de assessores da Câmara, da Cohab, Sanasa e da Administração Regional 5. Segundo ele, o administrador Cleber é quem faz a coleta do dinheiro.

A denúncia afirma ainda que o responsável pela coleta de dinheiro dos assessores do vereador Edison Ribeiro – da Câmara, subprefeitura do Campo Grande e da AR-13 – é o seu filho, André Ribeiro, presidente do PSL.

Em relação a Permínio Monteiro, o denunciante diz que é o seu irmão quem recolhe o dinheiro.

Já em relação a Marcelo Silva e Gustavo Petta foram denúncias feitas por uma mulher que foram protocoladas nesta segunda-feira.

O promotor explicou que vai fazer uma investigação preliminar e pedirá informações à Câmara.

Outro lado

“Recebo com indignação uma denúncia anônima, mentirosa, sem fundamento ou qualquer prova. Trata-se evidentemente de um ataque político diante do destacado trabalho que faço na Câmara de Campinas. Estou a disposição para os esclarecimentos necessários ao Ministério Público”, Gustavo Petta

” quem denunciou terá em primeiro lugar, meu desprezo, e após isso, terá que se defender perante a justiça, pois graças a Deus, jamais fiz isso. Espero que o MP investigue”, Jorge Schneider, que ressaltou que não tem assessor indicado na Cohab.

“Eu desconheço essas denuncias. Até porque o Ônus da prova cabe a quem acusa”, Permínio Monteiro (PSB).

“Eu acho estranho jogar uma denúncia anônima a alguém que combate essa prática”, Marcelo Silva (PSD). Quando da votação do aumento do salário dos assessores, ele alegou que a aprovação da proposta poderia passar uma ideia de que existia na Câmara a prática de rachadinha. Ele votou contra o aumento.

“Esse valor (dos R$ 50 mil) é maior do que os meus assessores recebem (R$ 29 mil). Onda de denuncismo barato virou moda”, Zé Carlos, presidente da Câmara.

O vereador Edison Ribeiro não respondeu sobre a denúncia. Assim que o fizer, a matéria será atualizada.

Rose Guglielminetti

Sou comentarista política da Band-Campinas. Também sou colunista do programa "Bastidores do Poder", que vai ao ar todos os dias das 13h20 às 14h, na Band Campinas. Entre tantas editorias a de Política é a das que mais me atrai. E isso fez com que me enveredasse por esse caminho ao longo de minha carreira. Como repórter de Política sempre busquei oferecer notícias de bastidores do poder. E é isso que irei procurar fazer neste blog.

12 comentários

  • Quanta gente “honesta”. E é estas mesma pessoas “honestas” que colocam os cabides dentro da prefeitura de Campinas.
    Que nojo!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

  • Um dos vereadores que entrou nesta nova lista, além de pegar parte do salário, fica com todo o cartão do vale alimentação. Seus comissionados nem sabem nem a senha dos mesmos. Demorou mas, a casa vai cair para o vereador e família.

  • A farra continua na Prefeitura Municipal de Campinas , o MP tem um prato cheio de denuncias que deverão ser apuradas com rigor e esses CORRUPTOS deverão ser julgados e ter o mandato cassado , chega de roubalheira , estão usando o dinheiro do cidadão de bem para uso próprio.
    MARIANA , voce vive em um universo paralelo ? contra provas não ha argumentos !!!! ou vc esta com o rabo preso com esta corja?
    JUSTIÇA SEJA FEITA ! MP ESTAMOS DE OLHO!

    LISTA DOS CORRUPTOS:
    – Edison Ribeiro (PSL)
    – Permínio Monteiro (PSB)
    – Jorge Schneider (PL)
    – Marcelo Silva (PSD)
    – Gustavo Petta (PCdoB)
    – Presidente da Câmara Zé Carlos (PSB).
    – Otto Alejandro (PL)
    – Filipe Marchesi (PSB)
    – Nelson Hossri (PSD).

  • Enquanto isso, a festa está rolando solta na Vila Industrial.

    Alteraram o organograma da EMDEC apenas para acomodarem os comissionados, não é mesmo Alexandre Nagase – Divisão Inovação e Tec. para Mobilidade Urbana – (DCI)?

  • Parece que dessa vez, o que todo mundo comentava a boca pequena, agora vai ser apurado. Começou com 01, foi para 03, agora está com 09. Pelo andar da carruagem esse número deve aumentar. O MP dispõe de mecanismos para fazer uma investigação apurada, convocando os assessores nomeados na Câmara e os da Prefeitura que os vereadores indicaram. Vamos aguardar para tudo isso seja passado a limpo !!!

  • Proverbio : Um antigo conto chinês relata a história de um ladrão que roubou um sino. Ao fugir do local do roubo, ele percebeu que não conseguia fazer o sino parar de bater. Em meio ao pânico e temor de ser descoberto, ele encontrou um modo de sentir-se seguro: resolveu tapar os ouvidos para não ouvir o sino! O maior inimigo do ladrão é a consciência. Assim como o sino dessa alegoria, a consciência nos adverte contra o engano de tomarmos aquilo que não nos pertence. Enquanto não devolvermos o que não nos pertence, o “sino” sempre estará tocando. Salomão ironicamente já previa o destino dos desonestos: “Suave é ao homem o pão ganho por fraude, mas, depois, a sua boca se encherá de pedrinhas de areia” (Provérbios 20:17).
    Fica ai pra refletir.
    E lá na Hípica de Campinas os vejo falando em honestidade. Julgando os demais como incompetentes. Que coisa triste em pleno ano 2021 com tantos problemas a serem cuidados e nossos representantes preocupados em cobrar “rachadinhas”. Que coisa triste para campinas.

  • lamentável o MP tem que acabar com essa pratica instaurando o devido processo legal para a justiça condenar a quem resta comprovada sua culpa a sociedade nao aguenta mais

  • Basta o Ilustrissimo promotor pedir a quebra de sigilo bancario e ver os saques no dia do pagamento, vai ver que sempre é sacado o mesmo valor.

Your Header Sidebar area is currently empty. Hurry up and add some widgets.