Início » Saúde prevê demitir cerca de 20% dos funcionários do Ouro Verde

Saúde prevê demitir cerca de 20% dos funcionários do Ouro Verde

A Secretaria de Saúde se comprometeu em proposta feita ao MPT (Ministério Público do Trabalho) reaproveitar cerca de 80% dos cerca de 1,6 mil servidores que atuam hoje no Hospital Ouro Verde.

A secretaria prevê que todos os servidores serão demitidos, já que o hospital – sob intervenção desde dezembro do ano passado – passará a integrar a Rede Mário Gatti. A rede vai contratar empresas prestadoras de serviço e, estas, terão de ser responsabilizar pela contratação de pessoal. O compromisso, é que a maioria dos que trabalham hoje na unidade deverão permanecer.

A secretaria não quis comentar a proposta ontem. Por meio da assessoria de imprensa, informou apenas que uma proposta foi encaminhada ao MPT e que só iria falar sobre o assunto depois de um parecer do Ministério Público.

O presidente do Sindicato dos Médicos, Casemiro Reis, que participa das negociações, no entanto, confirmou a proposta do Executivo.

“A prefeitura estima que 80% dos funcionários, médicos ou não, serão reabsorvidos pelas novas empresas”, disse Casemiro ontem.

“Alega com isso, que não haveria necessidade de pagamento à vista das verbas trabalhistas”, acrescentou. “Mas nós não acreditamos nesses número e, por isso, queremos um compromisso de pagamento integral e à vista, de todos os que forem desligados e não reaproveitados imediatamente”, antecipou o dirigente sindical.

O Ouro Verde foi alvo de intervenção no final do ano depois do escândalo de desvio de recursos, praticado pela OSs Vitale Saúde – então gestora da unidade. Agora, vai integrar a Rede, que terá gestão pública, mas operação privada.

Rose Guglielminetti

Sou comentarista política da Band-Campinas. Também sou colunista do programa "Bastidores do Poder", que vai ao ar todos os dias das 13h20 às 14h, na Band Campinas. Entre tantas editorias a de Política é a das que mais me atrai. E isso fez com que me enveredasse por esse caminho ao longo de minha carreira. Como repórter de Política sempre busquei oferecer notícias de bastidores do poder. E é isso que irei procurar fazer neste blog.

Adicionar comentário

Your Header Sidebar area is currently empty. Hurry up and add some widgets.