Início » Suspeita de racismo depôs na manhã de hoje na Polícia Civil

Suspeita de racismo depôs na manhã de hoje na Polícia Civil

A mulher que foi apontada como suspeita de crime de racismo contra a Paolla Miguel (PT), no última dia 8 de novembro, durante uma sessão da Câmara de Vereadores, se antecipou e depôs na manhã desta quarta-feira (17/11), na 1ª DIG (Delegacia de Investigações Gerais). O depoimento estava marcado para as 14h de hoje. Apesar de não ter sua identidade revelada pela polícia, ela entrou em contatado com o blog e disse que não gritou “Preta lixo”, mas sim “Petta lixo”, em referência ao vereador Gustavo Petta (PCdoB).

Segundo ela, desde quando Petta foi contra a instalação da escola Cívico-Militar do governo federal, o seu grupo sempre que encontra o parlamentar entra em colisão com ele.

A polícia não revelou o conteúdo do depoimento, mas a tendência é a de que ela tenha mantido o mesmo teor do que foi revelado pelo Blog da Rose.

A suspeita foi identificada pelo vereador Jorge Schneider, que disse que a viu gritando e xingando a parlamentar, quando ela usava a tribuna em defesa do Fundo de Valorização da Comunidade Negra.

Ela estava junto com um grupo de direita que foi ao Parlamento para protestar contra a adoção do passaporte de vacina em grandes eventos. Em Campinas, as pessoas têm de apresentar o comprovante de vacina ou um exame de PCR de que não está contaminado com a covid-19 para acessar shows e outros eventos.

Outras testemunhas

Na última sexta-feira (12/11) os investigados ouviram a vereadora Paola Miguel e os veradores Gustavo Petta (PC do B), Cecílio Santos e Guida Calixto, ambos do PT, como testemunhas.

Rose Guglielminetti

Sou comentarista política da Band-Campinas. Também sou colunista do programa "Bastidores do Poder", que vai ao ar todos os dias das 13h20 às 14h, na Band Campinas. Entre tantas editorias a de Política é a das que mais me atrai. E isso fez com que me enveredasse por esse caminho ao longo de minha carreira. Como repórter de Política sempre busquei oferecer notícias de bastidores do poder. E é isso que irei procurar fazer neste blog.

3 comentários

  • Convenhamos, é muito óbvio que ela falou Petta Lixo. Mas os esquerdistas de carteirinha querem a confusão, querem acreditar que a pessoa em questão foi racista, querem lacrar e expor a Paolla, que negou ter ouvido seu nome.
    Paolla, sim, merece o respeito. Vai, Paolla!

  • Ou seja, prá ela, as pessoas que têm opiniões divergentes das da dela e do seu grupo, são lixo.

    Tem postagem de uma foto por uma tal Luh Pinheiro em que diz que o vereador Carlinhos Camelô está “sem focinheira”, como se animal fosse.

    Esse é o grupo de patriotas.

Your Header Sidebar area is currently empty. Hurry up and add some widgets.