Aqui política se discute.
Início » TCE suspende edital de Zona Azul

TCE suspende edital de Zona Azul

O TCE-SP (Tribunal de Contas do Estado de São Paulo) suspendeu o edital de licitação de ampliação das vagas de Zona Azul (vagas de estacionamento fracionadas por tempo e pagas) a pedido da empresa VR Tecnologia e Mobilidade Urbana Ltda, que apontou diversos problemas no processo. A abertura da sessão pública seria nesta quinta-feira (02/05).

Entre os questionamentos estão a restritividade devido à exigência de atestado de experiência; obrigatoriedade de contratação de flanelinhas em percentual de 30% das posições na estrutura operacional da concessão, estabelecimento de fator de desconto de 50%, sem a definição das áreas em que serão possíveis o estacionamento de até quatro horas, ausência de estudo econômico sobre o fluxo de caixa, TIR e VLP, indicando a viabilidade do projeto, entre outros apontamentos. A empresa apontou 18 problemas no edital.

A conselheira Silvia Monteiro deu 48 horas para a Emdec uma cópia integral do edital, além de apresentar as justificativas sobre todos os pontos sustados pela VR Tecnologia.

O valor da concessão do Zona Azul é de 30,9 milhões. O número de vagas vai aumentar das atuais 1,9 mil  para 8 mil. A empresa vencedora será responsável pelo serviço por 15 anos e terá de modernizar o sistema, instalando parquímetros digitais.

O Zona Azul será ampliado para o distrito de Barão Geraldo e em bairros como Cambuí, Ponte Preta, Vila Industrial e Guanabara.

Outro lado

Em nota, a Emdec informou que “A suspensão da concorrência se deu para análise prévia do edital motivada pela apresentação de questionamentos. Trata-se de um procedimento comum em licitações, no qual o Tribunal de Contas dá prazo para que o Poder Público se manifeste acerca dos questionamentos apresentados.”

Rose Guglielminetti

Rose Guglielminetti

Sou comentarista política da Band-Campinas. Também sou colunista do programa "Bastidores do Poder", que vai ao ar todos os dias das 13h20 às 14h, na Band Campinas. Entre tantas editorias a de Política é a das que mais me atrai. E isso fez com que me enveredasse por esse caminho ao longo de minha carreira. Como repórter de Política sempre busquei oferecer notícias de bastidores do poder. E é isso que irei procurar fazer neste blog.

1 comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

  • É até engraçado – ou seria, se a medida não prejudicasse a sociedade – como a atual gestão de Campinas não consegue emplacar de primeira uma concorrência importante. Deveriam chamar para a função quem entende do riscado, capaz de preparar um edital que não fosse tão cheio de furos e sujeito a constantes e reiterados questionamentos.

Rose Guglielminetti

Rose Guglielminetti

Sou comentarista política da Band-Campinas. Também sou colunista do programa "Bastidores do Poder", que vai ao ar todos os dias das 13h20 às 14h, na Band Campinas. Entre tantas editorias a de Política é a das que mais me atrai. E isso fez com que me enveredasse por esse caminho ao longo de minha carreira. Como repórter de Política sempre busquei oferecer notícias de bastidores do poder. E é isso que irei procurar fazer neste blog.

Marcos Andrade

Marcos Andrade

Marcos Andrade é formado em jornalismo pela Unesp e pós graduado em Gestão da Comunicação em Mídias Digitais pelo Senac. Com passagens pelas rádios Band News FM e Bandeirantes de Campinas, é produtor do programa Bastidores do Poder da Band Campinas desde 2016.

Zezé de Lima

Zezé de Lima

Jornalista que começou no Diário do Povo, quando a sede era na César Bierrembach, e com histórias no Jornal de Domingo e Correio Popular. Na última década, já fiz de tudo na Band Campinas. Hoje posso fazer só o que gosto.

Mais Categorias