Início » Vereador de Indaiatuba é condenado a 10 anos de prisão por estelionato

1 min readVereador de Indaiatuba é condenado a 10 anos de prisão por estelionato

A Justiça condenou o vereador e ex-secretário de Habitação de Indaiatuba, Jorge Luiz Lepinsk (MDB), a 10 anos de prisão por estelionato. A denúncia foi feita pelo Ministério Público de São Paulo. Sonia Salla também foi condenada a 4 anos e quatro meses de reclusão pelo mesmo crime.

De acordo com a sentença, ambos terão e pagar multa e ficam proibidos de exercer cargo ou função pública. Ambos podem recorrer em liberdade.

De acordo com a denúncia, os réus teriam se apropriado indevidamente de R$ 8 mil dos cofres públicos. Eles teriam ainda induzido ao erro Daiane Paula Zanetti, então funcionária do Executivo municipal. Segundo o promotor Michel Romano, Lepinsk, que à época trabalhava na prefeitura, tinha conhecimento da existência de um cheque de R$ 8 mil elaborado como subvenção à escola de samba Bloco Pastoral da Juventude. Com o intuito de se apoderar do montante, o vereador solicitou que Sonia, representante da agremiação, retirasse o cheque, que posteriormente foi entregue ao Lepinsk.

Para dissimular a origem ilícita dos valores constantes no cheque, segundo o MP, os envolvidos decidiram trocá-lo em um estabelecimento comercial. O vereador voltou a entregar o cheque a Sonia, que dirigiu-se até um posto de gasolina para efetuar a troca. Dias depois, ela retornou ao posto e retirou a quantia de R$ 8 mil em espécie, entregando o dinheiro nas mãos de Lepinsk.

Outro lado

O vereador não retornou ao blog para comentar a condenação.

Rose Guglielminetti

Rose Guglielminetti

Sou comentarista política da Band-Campinas. Também sou colunista do programa "Bastidores do Poder", que vai ao ar todos os dias das 13h20 às 14h, na Band Campinas. Entre tantas editorias a de Política é a das que mais me atrai. E isso fez com que me enveredasse por esse caminho ao longo de minha carreira. Como repórter de Política sempre busquei oferecer notícias de bastidores do poder. E é isso que irei procurar fazer neste blog.

Adicionar comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Mais Categorias