Câmara de Vereadores

Vereador questiona gasto com viagens da Câmara de Vereadores de Campinas

Rose Guglielminetti
Escrito por Rose Guglielminetti

Após a Câmara de Vereadores de Campinas fechar dois contratos que totalizam R$ 234 mil com agências de viagens, o vereador Nelson Hossri (Podemos) quer saber com quem e onde o Legislativo está gastando o dinheiro com as viagens. O parlamentar fez um requerimento em que pede um relatório das viagens pagas desde 2017. O valor do contrato do ano passado era de R$ 167 mil. O novo contrato ficou 40% mais caro.

A Câmara contratou a Oceanic Viagens e Turismo Ltda. por R$ 150,3 mil, para prestar serviços de agenciamento de viagens corporativas. O segundo contrato foi fechado com a Cerrado Viagens Eireli, que, por sua vez, seria responsável por reservas de hospedagem em hotéis no Brasil, no valor de R$ 84,6 mil.

“Mais de R$ 230 mil em contratos me parece um valor alto para o período de um ano e, por isso, gostaria de entender o motivo das últimas viagens feitas pelos vereadores”, disse Hossri.

Outro lado

A Câmara informou que apesar de o contrato ter o teto de R$ 234 mil, a Casa paga apenas o que é consumido efetivamente. Segundo a assessoria de imprensa, as viagens e estadias se dão, em sua maioria, em virtude de cursos de capacitação e reciclagem realizados pelos servidores.

No ano passado, a Câmara contratou a Uatumã Empreendimentos Turísticos por R$ 167 mil, mas gastou R$ 125 mil. O novo contrato, no valor de R$ 234 mil, ficará 40% mais caro em relação ao período anterior.

Segundo a Câmara, o novo contrato prevê 69 viagens e 76 diárias. O contrato anterior previa 66 viagens e 59 hospedagens. “O aumento de valor é decorrente de resultado da licitação, ou seja, houve aumento de custos das passagens e hospedagens e as empresas estão cobrando mais caro. De qualquer forma, a previsão é que se gaste 75% do valor contratado, se tanto. É reservado a mais para suprir necessidades caso surjam, mas, lembrando, a Câmara só paga o que efetivamente consome”, reforça a nota da Câmara.

A Câmara informou ainda que a maioria das viagens foi feita por servidores, sendo que, no ano passado, apenas dois vereadores viajaram pela Câmara: Luiz Carlos Rossini (PV) e Paulo Galtério (PSB). Rossini foi a Brasília para participar do Fórum Mundial da Água. Já Galtério esteve também em Brasília para uma reunião com a direção do Denatran (Departamento Nacional de Trânsito).

A Câmara informou ainda que todos relatórios dos custos de viagem, hospedagem, destinações e nomes da pessoa que viajou ficam disponíveis no site de transparência no portal da Câmara.

Sobre o autor

Rose Guglielminetti

Rose Guglielminetti

Sou comentarista política da Band-Campinas. Também sou colunista do programa "Bastidores do Poder", que vai ao ar todos os dias das 13h20 às 14h, na Band Campinas. Entre tantas editorias a de Política é a das que mais me atrai. E isso fez com que me enveredasse por esse caminho ao longo de minha carreira. Como repórter de Política sempre busquei oferecer notícias de bastidores do poder. E é isso que irei procurar fazer neste blog.

Deixe o seu comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.